SEJA SÓCIO-TORCEDOR

Operário anuncia novo projeto de categorias de base

23/02/2018 - 18:02

Fantasma realizará peneiras na próxima semana

A diretoria do Operário Ferroviário anunciou, em coletiva de imprensa na tarde desta sexta-feira (23), o início dos trabalhos nas categorias de base para 2018. O Fantasma irá realizar peneiras com atletas de Ponta Grossa e região e disputará o Campeonato Paranaense Sub-19. O anúncio foi feito pelo Diretor de Futebol Carlos Albuquerque.

“O Operário está dando um pontapé inicial para um grande sonho de toda a diretoria: montar uma categoria de base. A partir de hoje, teremos uma comissão técnica específica para a base. Começamos este projeto para disputar o Campeonato Paranaense Sub-19, mas não é uma categoria de base pautada para disputar um só campeonato, mas sim uma metodologia nova de trabalho para que a gente tenha, no futuro, jogadores formados nas categorias de base do Operário”, explicou o diretor.

As “peneiras” para avaliação de jogadores serão realizadas nos dias 1º e 2 de março, às 15h, no União Campo Alegre (UCA), para nascidos nos anos de 2000 e 2001. Os interessados devem comparecer com o material próprio: camisa, calção, meião, caneleira e chuteira.

O técnico das categorias de base será Joel Preisner, que atualmente ocupa a função de auxiliar na equipe profissional do Fantasma. “Todos os meninos que estiverem nesta faixa etária podem participar nestes dias de peneira. Teremos mais gente olhando e com certeza quem a gente avaliar que tem condições, pela experiência que a gente tem no futebol, poderá fazer parte da equipe. Esperamos poder realizar um bom trabalho com as categorias de base”, afirmou o treinador.

Ainda na coletiva, Carlos Albuquerque agradeceu aos treinadores da Escola Operário Ferroviário pelo trabalho realizado nos anos anteriores. “Agradeço aos professores Cristiano Cruz e William Borges por tudo o que fizeram no comando das categorias de base em outros anos. E agora damos início a um novo projeto”.

Assessoria de Imprensa – Bianca Machado
Fotos: José Tramontin/OFEC

 

Voltar para as notícias